Saúde mental e bem-estar: três plataformas incríveis


Compartilhar Compartilhar


Preservar a sanidade mental e o bem-estar é indispensável. Nesse sentido, o apoio da tecnologia tem sido fundamental ao enfrentamento do presente momento. Recentemente a Organização Mundial da Saúde (OMS) a mesma que agora toca a agenda de debates sobre a pandemia do novo coronavírus elencou a depressão como o mal do século. É uma situação levada ao extremo que só reforça a necessidade de manter a cabeça no lugar em qualquer época, principalmente em tempos de crise. Afinal, tanto quanto lidar com os desafios cotidianos, se manter em casa e mudar a rotina também gera conflitos internos.

Apesar disso, como já pode ser visto nos muitos exemplos de pessoas praticando atividades físicas em casa, o isolamento não é desculpa para o sedentarismo e muito menos para pouco caso com o cérebro. O foco no bem-estar precisa ser geral. Hoje em dia existem diversos sites e aplicativos nos quais é possível realizar e aprender de quase tudo para se manter zen: de meditação e yoga a consultas psicoterapêuticas virtuais. Pensando nisso, a WPA preparou uma pequena lista com algumas das melhores plataformas de autocuidado e saúde mental das redes. Confira:

Meditopia

Bonito e intuitivo, o Meditopia é um aplicativo que é útil a quem já tem experiência com meditação ou a quem manifesta interesse em começar a prática. Através de um catálogo de músicas e meditações, é possível buscar objetivos guiados ao bem-estar, como reduzir a ansiedade, relaxar ou até dormir bem. Também há como acessar pequenas reflexões, mensagens positivas e lembretes de atividades. Boa parte do conteúdo pode ser acessado gratuitamente. Para ter acesso a todas as funcionalidades, porém, é necessário desembolsar cerca de R$ 26,90 por mês.

Telavita

Atendimento psicoterapêutico online é uma das especialidades do Telavita. A plataforma conecta pacientes e profissionais por meio de critérios de identificação, o chamado “match”, facilitando o relacionamento dos envolvidos e o encaminhamento das consultas virtuais. Todos os profissionais cadastrados no canal são psicólogos, o que traz credibilidade e confiabilidade aos usuários. Contudo, as vantagens e benefícios para o bem-estar têm um preço. O custo médio para ter acesso ao serviço é de R$ 400 mensais, com encontros de frequência semanal. 

Vittude

Semelhante ao Telavita, o Vittude oferece consultas via sessões de vídeo com psicólogos mediante agendamento prévio. A plataforma pode ser acessada por aplicativo ou através de site próprio. Com a implementação geral do isolamento, o canal lançou um novo serviço denominado de “Diário de Quarentena”, pelo qual são enviados e-mails regulares contendo materiais de bem-estar que ajudem a lidar com o distanciamento. No Vittude, os valores de consulta são definidos pelos próprios psicólogos, e os profissionais podem ser escolhidos por especialidade, o que oferece um leque interessante de opções aos usuários.

Além dos sites e plataformas, também existem conteúdos de qualidade sobre bem-estar à disposição no YouTube e podcasts no Spotify, basta fazer uma simples busca para encontrá-los. Aproveite todas as possibilidades proporcionadas pela tecnologia e respeite o isolamento sem deixar de lado sua própria saúde mental.